Arquivo para abril \30\UTC 2011

30
abr
11

O casamento? Adorei!

royal wedding, casamento príncipe william e kate middleton

A noiva estava linda! Westminster  Abbey estava linda! A cerimonia foi linda…

Eu sei, ninguém aguenta mais falar sobre esse assunto. Mas eu me diverti muito, vendo o evento. E não é que deu tudo certo mesmo?  Se falava a boca pequena de protestos e paralizações, mas a organização britânica sempre dá show. E o povo? Esse deu um show à parte.

Na famosa praça de Londres, centenas de pessoas já estão sentadas em frente ao telão que vai transmitir a cerimônia dentro da Abadia de Westminster  Foto: Ulisses Neto/Especial para Terra

Mas o que mais me divertiu? Os detalhes: convidadas e seu modelitos…

Princess Beatrice of York

Sem saber quem eram, imaginei que tinham improvisado qualquer coisa, tipo assim, a guirlanda do Natal passado como chapéu e o tecido do sofá como blusinha.

Assutadoras!

Mas são, acredite se quiser, princesas. O que prova que não basta ser, tem que parecer. Essa resolveu o problema se vestindo de caneta Bic.

E essa pegou o arranjo de flores na mesa de casa?

Casal Beckham

Ele já chegou todo trabalhado na gafe, com a medalha do Império do lado errado. E ela parecia estar de capa de chuva, sem falar no chapéu. Não parece um porta pilula?  Decidi que se algum dia precisar de um chapéu, passo longe do atelier desse designer . Vou procurar quem fez o chapéu da mãe da noiva, que estava chiquérrima!

Adorei a coreografia “popular” chegando ao Palácio de Buckingham.

Mais o mais fofo mesmo foi a afilhada do prícipe Wiliam.

Resumindo, se não fosse real, seria um casamento normal, com muito assunto para fofocar depois.

E para Londres, uma propaganda e tanto. O mundo inteiro viu como a cidade é linda! E a monarquia? Bom, vai muito bem, obrigado.

Anúncios
26
abr
11

I´m sorry, William!

É… Não vou estar em Londres para o casamento de William e Kate. Há uma semana de volta ao Brasil , o que me parece quase um ano, já com as malinhas entregues (a Air France foi super rápida na entrega, chegou tudo direitinho!), e ainda atônita com os preços do supermercado,  me recuperando dos dias de calor indigno, vou aos poucos tentando me reacostumar (ou seria me conformar?).

É lógico que gostaria de ainda estar lá, mas para ser sincera, no dia do Casamento Real, eu, que adoro um furdunço em Londres, não ousaria sair de casa! É desses eventos que a gente participa e curte muito mais pela televisão, junto com 2 bilhões de telespectadores, do que in loco e ao vivo. Por quê? Porque Londres já é lotada por natureza, e normalmente já tem maluco para tudo quanto é lado. É comum dar de cara com um Teletube andando pela rua, gente vestida de tudo que jeito, fazendo performance, gente com roupas escalafobéticas, perucas ou cabelos amarelos ou pink.  Agora, a maluquice só tende a aumentar e no dia do casório, vai ser impossível ver uma pontinha da crina do cavalo da carruagem! Fora a locomoção, que já está precária por causa das obras… Imagine com o centro todo interditado e apinhado de gente de todos os lugares do mundo??? E loucos de todos os cantos do planeta!!!

A jovem mexicana Estíbalis Chávez durante a greve de fome em frente à embaixada britânica, na Cidade do México.  A foto é  de  fevereiro quando a jovem estudante fez uma greve de fome de 16 dias diante da embaixada britânica na Cidade do México para tentar conseguir um convite para o casamento real.

Pode??? Pode e vem muito mais por aí!

John Loughrey, fã da família real britânica, acampa com seu saco de dormir nesta terça-feira (26) em frente à Abadia de Westminster, ao fundo. Ele promete ficar no local até o casamento entre o Príncipe William e Kate Middleton, nesta sexta. (Foto: AFP)

John Loughrey, fã da família real britânica, acampa com seu saco de dormir nesta terça-feira (26) em frente à Abadia de Westminster, ao fundo. Ele promete ficar no local até o casamento entre o Príncipe William e Kate Middleton, nesta sexta. (Foto: AF)

Isso sem falar na insatisfação de grande parte dos contribuintes que vão pagar pela segurança, que deve chegar aos 5 milhões de librinhas,  exatamente durante um período de extrema austeridade, cortes de benefícios, e protestos quase semanais.

Mas a festa deve ser mesmo boa. Todos os bairros, coucils, estão sendo incentivados pelo próprio Cameron a fazer a festa nas ruas. Londres, para variar, está linda!

Foto= London.net

É conto de fadas sim! E cá entre nós, eu adooooro uma monarquia. Um mês depois do meu próprio casamento, assisti feliz da vida pela televisão, o primeiro casamento real! Diana e Charles!

Trinta anos depois, conhecendo em detalhes, todo o trajeto do cortejo, vou curtir muito mais o casório de Kate e William. Então, bora assistir! Já está no despertador do celular, 6  horas da manhã. Com sorte, uma temperatura mais amena, posso até arriscar uma street party particular e fazer um english breakfast para o evento!

18
abr
11

Londres – Rio, a reentrada

Depois de quase quatro meses, muito vôos e aeroportos, alguns trens, ônibus, vaporetos e metrôs,  cá estou eu, em meio ao difícil regresso e consequente readaptação ao território nacional.  Os vôos de volta foram tranquilos*, com um asterisco.   *Minhas malas sumiram!!!!!. Para ser mais exata, nem embarcaram no vôo comigo! meu vôo Londres – Rio, pela Air France é sempre desdobrado em dois vôos. Londres (Heathrow) – Paris (Charles de Gaulle) e de Paris para o Rio.  Em Londres a funcionária do check in resolveu me batizar de novo e registrou as bagagens com outro nome. A mulher não embarcou e então retiraram minhas malas do vôo, em Londres! E eu só fui perceber que o recibo da bagagem tinha outro nome quando cheguei a Paris! Falei com a moça do check in em Paris, que me indicou outro guichê, cuaja a atendente me reconduziu a outro, e me deixou reentrar no desembarque, para procurar o serviço de bagagem da Air France. Coisa simples, considerando o tamanho do aeroporto! Concluindo, me deram um dossiê, cujo numero é inválido quando digitado no site, e até agora, eu não tenho nem pista de onde está tudo que é meu!!!!! Por tudo, leia-se tudo, tudo mesmo, mesmo. Por que eu despachei? Porque Marguerite (minha artrite reumatóide) que se comporta muito bem quando viajo, se revoltou (provavelmente porque eu estava voltando) e resolveu aparecer às vésperas da viagem de volta. Meu ombro começou a doer muito e  para não carregar peso, despachei o que NUNCA se deve despachar! Carregadores de celular, das câmeras, gêneros de primeira necessidade,  remédios (inclusive e principalmente para artrite) cartões de memória com todas as fotos!!!! e do netbook também, enfim, tudo o que você tem que levar com você. Ai que ódio!!!! eu nunca despacho essas coisas. E nunca tive problemas com malas!!!

Enfim…. só passa por isso, quem viaja!

Back home experience…

1- Às 5 58 horas da manhã, desembarquei no Galeão! Alguém no check in da Air France? No bureau de informações? Nem no da Air France, nem em nenhuma das Cias Aéreas!!!!  O aeroporto inteiro às moscas! Até a funcionária da Alfândega, parecia estar com o travesseiro embaixo do guichê. Eu poderia ter trazido  a Tour Eiffel que ela nem ia notar!  A esse hora da manhã, se você tiver algum problema, alguma dúvida, chore!!!

2- Alguém viu o outono por aí? O bafo característico do Rio nos saldou, em pleno abril, antes mesmo de sair do saguão. A porta automática se abriu  e senti o calor subindo até as têmporas e imediatamente comecei a suar. Muito!

3- Munida do meu chip da Tim (o qual ingênuamente tinha carregado com muitos reais de crédito, mesmo nunca tendo um unico minuto de roaming internacional), tentei ligar para o táxi (uma companhia que cobra muito menos que os táxis do aeroporto).

Voz da TIM

-Seus créditos  expiraram. Você não tem saldo suficiente para efetuar essa chamada.

Voz interior

– Que m! A TIM me roubou de novo!!!

Tentei recarregar com cartão de crédito e descobri que tudo o que já tinha feito no passado (cadastrar meu número TIM, ir até um caixa eletrônico, enviar fotos da família, certidões, tudo em 3 vias carimbadas e com firma reconhecida, etc, etc) também tinha expirado junto com os créditos!!!!  Eu e meu número não existíamos mais!!! tres meses fora e você evapora! Como alguém precisando chamar um táxi pode ir até um caixa eletrônico para cadastrar um número de celular???! Quando o aeroporto finalmente acordou, Carol achou uma livraria que vendia créditos (só com dinheiro vivo, pulando e  saltitante!) e com dimdim, meu número milagrosamente ressucitou!

Mensagem da Tim

Parabéns! Você acaba de cadastrar seu Tim chip!   -&$$O!W?W??

Segunda mensagem da Tim

No portal de voz da Tim a azaração rola solta! Aproveite e saiba o seu horóscopo! Só 0,69 /min!

Ai que ódio!!!!

Enquanto esperávamos o táxi, do lado de fora do aeroporto, o sol implacável, me fez lembrar que eu moro num país tropical, abençoado por Deus e bonito por natureza, mas que beleza! e que calor! em alguns minutos eu já estava com toda a roupa grudada no corpo!  e a franginha repartida em pingos! meu humor estava a um passo da mais tenebrosa das DPVs!

Chegando em casa, numa das 34560 mil correspondências inúteis, me informaram que  minha conta bancária também está inativa por mais 90 dias e que preciso urgentemente confabular com meu gerente (que sabia que eu ficar fora esse tempo todo!).

Compras de sobrevivência…

Embuída de toda a coragem que tenho em meu ser, fui ao supermercado da esquina, com uma nota de 50.  Mas me deparei com um trem fantasma! Em cada corredor, o pânico aumentava! A inflação destrambelhada voltou??? O que aconteceu???  Quem sou eu??? quem é Dilma? Onde ela está?  Onde estou??? pão de forma 5,99??? E o Nescafé? É isso mesmo?! ai meu Deus!!!!  O que aconteceu??? Quando está a passagem de volta???

Ok.  Acho que preciso de um tempo…  Devia ter lido o horóscopo da Tim!

13
abr
11

É…

E depois dessa curva tem um caminho…

Eu juro que tenho uns dez posts no rascunho, umas 30 fotos lindas desses últimos  dias,  da primavera de temperaturas tão contrastantes (18, 12 graus de  dia e 5 deliciosos graus à noite) , mas não… nada aconteceu. Não consegui escrever nada! É que está quase na hora de ir embora. E é tanta emoção junta que eu não dou conta de resumir num post só. Desta vez, entrou em cena a DPPV, depressão pré-pós viagem! Então é isso.

Só isso.

É…

06
abr
11

E fez calor em Londres!

Eu já falei da primavera? Já, né! Mas do calor na primavera, ainda não. O mais engraçado é que teoricamente, para nós acostumados (?£¢*&!!!!)  ao calor implacável que faz no nosso  ensolarado país, 19 graus seria uma temperatura de inverno! E no Brasil eu estaria comemorando e tirando do armário, algumas roupichas de frio.  Mas aqui, a tal da sensação térmica, se expressa de forma concreta.  Parecia um dia de verão e foi notícia de jornal! Estava todo mundo na rua, e nos parques a galera se espalhando feito lagarto, tentando absorver cada raio solar! É lógico que entramos no clima e fomos lanchar no parque, esparramadas na grama!

Mas nem tudo é primavera, por aqui. Hoje Portugal pediu oficialmente ajuda à comunidade européia, e a na BBC, a manchete de  hoje são os cortes drásticos nos benefícios que David Cameron está fazendo, reduzindo as verbas das autoridades locais, acarretando a demissão de muitos funcionários públicos, cortes em servições essenciais, além de uma reforma (nada bem aceita) na NHS, o sistema nacional de saúde.

 

Couples with children in London will lose nearly £3,900 a year because of tax and benefit changes, economists warned today.

Além disso, uma nova onda de protestos está prevista para esse fim de semana, talvez mais intensa do que a última.

A diferença é que aqui o povo grita, se mobiliza e esperneia.

05
abr
11

Ligação internacional, procura-se uma lowcost?!

Desde que cheguei em Londres, exatamente no dia 1 de janeiro, venho pesquisando e tentando maneiras econômicas para ligar para o Brasil.  E quando viajo pela Europa, idem. E até agora, ainda não encontrei.

Aqui a telefonia celular é muito barata e a maioria das operadoras, oferecem ligações grátis, desde que sejam entre seus próprios números. É muito comum (e às vezes muito chato) entrar num ônibus e durante todo o percurso de 40, 50 minutos, ter que escutar um, dois ou mais passageiros falando em alto e bom som, em línguas tipo hindi, sérvio, mandarim, ou senegalês (??!&) Porquê? Simples!  é de graça! a diversão é falar e falar… entram , ficam horas,  e saem do ônibus, no maior papo!

Para o Brasil, de uma maneira geral, o Skype ainda é o mais em conta. De Skype para Skype (computador para computador) é de graça, mas há o incoveniente de obrigatoriamente estarmos diante do computer, e seu interlocutor idem, meio que tem que marcar hora. Por outro lado,  se tiver um celular com WIFI,  é só encontrar um hotspot, ou seja um lugar com Wifi de graça, conectar o celular à sua conta Skype e ligar par o número desejado. Quando faço isso do Brasil, para o celular do meu filho aqui em Londres, a ligação internacional é de graça, mas a operadora cobra como se fosse um DDD. Também pode se ligar do compudator para um telefone fixo ou celular. Mas aí,  você tem que ter créditos (em euros) para ligar .

All rates: Price exc. VAT: Price incl. VAT:
Brazil 4,6 cents 5,3 cents
Brazil – Mobile 17,9 cents 20,6 cents
Brazil – Rio de Janeiro 3 cents 3,5 cents
Brazil – Sao Paulo 2,3 cents 2,6 cents

Chip local

Aqui em Londres, a O2 tem vários planos. Tentei um deles (pré-pago) e apesar de ser um dos melhores, é um pouco caro, mas é o que mais vale a pena. Por 20 libras, (descontados imediatamente dos seus créditos  que devem ser comprados antes) você tem direito a 3000 minutos para 5 telefones escolhidos e cadastrados no site. E a gente ainda ganha um número para esses telefones ligarem para você com tarifa local (call em number). Mas são só esses telefones que foram cadastrados. Outro plano, te dá o direito de ligar para qualquer telefone do Brasil (ou outro país que você escolher, também previamente cadastrado) até 100 minutos por mês, desde que você faça uma recarga mensal de 15 libras (o que acaba rapidinho). A vantagem é que eu posso falar de graça com meus filhos que também tem um chip da O2 e quando viajo pela Europa, é relativamente barato fazer (35 p por minuto) e receber (14p por minuto) ligações da Inglaterra (desde que seja da O2).

Como o que mais tem aqui, é gente de outros paises, o que não falta é concorrência no quesito ligações internacionais. Já encomendei um outro chip da Lebara, grátis! Vamos ver… prometem tarifas assim

International Tariff

Click to selectBrazil

International Tariff
15p /min to Mobile
1p /min to Landline
10p SMS

De uma maneira geral funcionou muito bem e é realmente econômico. A ligação é clara e falei com minha prima como se estivesse aqui do lado. A tarifa eu acho, é essa mesma. Eu tinha 10 pounds de crédito, não sei exatamente quanto falei com ela, mas ainda tenho 6,89.

E também já encomendei outro chip da Lyca Mobile que promete tarifas como essas

Landline 1 p(per min)      13 p Mobile  (per min)       10 p SMS  per/sms

Mas esse não chegou.

Mas tanto a O2 como Lyca Mobile e a Lebara, são daqui da Inglaterra e essas tarifas idem. Para viajar pela Europa a coisa muda.

Por fim, depois de ler em alguns blogs, achei que tivesse encontrado a solução dos meus problemas com o chip global da MaxRoam. A Ryanair oferece o produto, quando manda o email lembrando o seu check in.  Funciona da seguinte maneira – você compra o chip pelo site, que custa 15 euros, e já vem carregado com 10 euros (chega no Brasil também!). Em dois dias chegou aqui em casa. Daí você ativa o sim card, também no próprio site, e automaticamente uma conta é aberta. Nessa conta, você tem acesso instantâneo ao seu histórico, onde você pode conferir suas ligações e quanto tempo elas duraram, e principalmente, quanto custaram. A vantagem (para viagens pela Europa e ligações também para a Europa) é que o chip faz ligações a preços das operadoras locais e você pode checar no site, as tarifas antes de telefonar e levar a facada. Funciona em mais 230 países. A grande vantagem é poder fazer ligações locais para qualquer serviço em qualquer cidade em que você estiver, e saber diante mão, quanto você vai gastar para fazer uma ligação internacional para o Brasil por exemplo.

Agora responda rápido! Onde a telefonia celular tem as tarifas locais mais caras do mundo???? Bingo! Ligar para o Brasil custa a bagatela de 0,49 euros (lembrando que 1 euro =  +ou- 2,40 reais) por minuto. Isso porque o chip utiliza as tarifas locais (do Brasil)! Ainda assim, é infinitamente muuuuito mais barato que o roaming internacional (que no caso da Tim, nunca funcionou nem no pais ao lado, a Argentina, nem aqui).

 

Concluindo… com três celulares (cada um com um chip diferente, para não ter que trocar) e um computador, eu posso viajar pela Europa e em cada situação fazer uma equação complexa com muitas variáveis elevadas à raiz de Py, para descobrir qual a maneira mais barata e adequada para falar com alguém em algum lugar do mundo! Se for para o Brasil é mais caro, obvio!

04
abr
11

Mothering Sunday

Ontem foi o dia das mães aqui .  Nós não somos (eu e meus fllhotes), nem um pouco apegados a datas, muito menos às comerciais.  Mas os dois sairam  e voltaram com esse bolo, para comemorar a dia da Tutancamãe. Nós somos mesmo é um pouco debochados.

O presente? só podia ser uma utilidade para viagens. Câmera, filmadora, e GPS, num device que ainda faz ligações. Um espertofone! Adorei!!!




Enter your email address to subscribe to this blog and receive notifications of new posts by email.

Junte-se a 9 outros seguidores

abril 2011
S T Q Q S S D
« mar   maio »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 9 outros seguidores

viagens
free counters

Atualizações Twitter

Anúncios

%d blogueiros gostam disto: