Posts Tagged ‘espaço na mala

07
nov
10

mala de rodinha para voar low cost!

ESTE BLOG MUDOU DE ENDEREÇO:

http://www.maladerodinhaenecessaire.com

Pois é. Volta e meia tem um leitor ou conhecido me perguntando ou procurando pela mala perfeita para as companhias aéreas de baixo custo. Ou simplesmente me perguntando sobre o quê e quanto se pode levar para a cabine do avião e principalmente: onde encontrar  A MALA!

Para quem está procurando uma malinha nas medidas exatas (e quase impossíveis) exigidas pelas  low cost, principalmente pela Ryanair, aí está uma boa opção:

Sansonite Spinner Earth (P)

A dificuldade de encontrar uma mala que se enquadre nessa  exigência (a de ser uma mala de bordo, bagagem de mão ou  cabin bag aceita)   é que a maioria das companhias aéreas falam em um volume de 115cm, sem especificar as dimensões exatas. Além disso, a franquia de bagagem de cabine, varia de companhia para companhia, de vôo para vôo, e de classe para classe e de país para país, e isso, numa viagem à Europa por exemplo, pode dar muita dor de cabeça (e de bolso também) por causa de alguns míseros centímetros. Além disso, o número de malas extraviadas e/ou danificadas, e como a moda de cobrar uma taxa para despachar mala de porão está invadindo cada vez mais companhias aéreas, os passageiros estão caprichando na bagagem de mão, levando cada vez mais e mais para dentro das cabines,  e isso acaba causando atrasos e verdadeiros engarrafamentos na hora do embarque.  Daí as regras para a bagagem de bordo, estão  ficando cada vez mais restritas (para gerar mais receita para as companhias).

Europa: Vôos dentro da Europa usam o sistema de peso, variando o peso de acordo com a classe da passagem (super econômica, econômica normal, executiva básica, executiva normal). A classe econômica costuma ser 20kgs.
Se você comprou uma passagem de Vôo dentro da Europa, separada de sua passagem internacional Brasil-Europa, valerão as regras de cada país e companhia aérea. Se comprou junto com sua passagem internacional Brasil-Europa, valerão as regras da passagem internacional.

Ao comprar a passagem, leia antes as regras de bagagem, para saber o peso, quantidade e valor da multa.

A EUROPA usa, na maioria dos países, o conceito de PESO, ou seja, paga-se o valor por kilograma excedido, variando de 10 a 30 euros por kilo. As companhias low-cost cobram não apenas por peso, mas também por volumes extras. Se viajar com mais pessoas, é permitido somar a quantidade de franquias.

Multa: as multas são por WEIGHT CONCEPT – veja no site da companhia aérea quanto custa o kilo excedido.

As variações são tão grandes que podem afetar o preço final da passagem, por isso certifique-se antes de viajar ou leve pouca bagagemSwiss | | Iberia cobra por peça a mais: 2 mala: 50 euros (via site); Excesso de peso: 60 euros | KLM cobra por peso extra | Swiss: por peso |Tap: por peso (mais barato se comprar pelo site), variando de 5 euros a 20 euros dentro da Europa por kilo. | Lufthansa: por peso, de 5 a 10 euros.

VOLUME – DIMENSÕES DA MALA
Além da restrição de peso (no Brasil o máximo permitido pela legislação é de 32 kg, mas a aviação internacional e companhias aéreas tem outros padrões e limites), há restrição no tamanho das bagagens (dimensão:(A + B + C) = 158 cm), por isso há uma atenção especial em relação a grandes eletrodomésticos e eletrônicos, equipamentos de esporte, etc…
Mala de Mão (Bordo): 115 cm total.

British: 56cmx45cmx25cm (imagem).
Iberia: 55cm x 40cm x 20cm, 10kg.
Tap: 55cm/40cm/20cm, 6kgs.
Jal: 55cm(L)x40cm(A)x25cm(P), 10kgs.
Lan Chile: 55x35x25, 8kgs.
United Airlines: 23 x 35 x 56 cm.
Lufthansa: 55 x 40 x 20 cm, 8kgs.
Alitalia: 55cm x 35cm x 25cm, 8kg (NOVO PESO)
Bagagem despachada: 158cm. Jal: cada 158, mas as duas não podem passar de 273cm. Máximo para excesso de volume: 292cm. Acima disso, provavelmente não será embarcado.
*Fonte: desenho pela British Airways.

fonte: http://viagem.decaonline.com/

Na prática, o difícil é encontrar a mala perfeita para tudo: para o bolso, para as cias lowcost, para bagagem de mão de voos internacionais e principalmente que não desmaie se abrindo inteira, quando alguém do security resolve revolver a sua malinha (a minha é mais ou menos assim, dividida em dois compartimentos, quando preciso abrir por qualquer motivo no aeroporto ou na rua, ela se multiplica em duas partes).

Ou são pesadas demais, largas demais ou só tem 2 rodinhas ou pior, caras demais!

E eu  estava procurando mais uma vez,uma mala que cumpra todos os requisitos,  procura esta que começou na viagem de volta de Dublin, quando a malinha de Carol foi congada pela Ryanair, e nos custou 35 euros de multa e castigo, fora  a possibilidade de perder o Easybus, previamente agendado e pago (outro pejú), que nos levaria do aeroporto de Stanstead para Baker Street (central London). Por perder o ônibus, leia-se ficar esperando a mala nas esteiras do aeroporto. E por congada, leia-se não entrou na gaiolinha que mede a bagagem. Essa aí da foto.

Para entrar, deslizando nesse engradado, não basta ter 115 cms no total. E o principal problema é encontrar uma malinha de cabine que tenha só 20 cms de largura.

A grande maioria das malas tem 24, 25 ou 26 cms, mesmo sendo menores no total. Meus amigos acabaram comprando malas de porão em todos os vôos, o que custou 30 dinheiros por trecho = 90 no total!

Então a única maneira de se ter certeza que a mala vai entrar em qualquer lugar, é levando a velha e boa fita métricapara a loja de malas, pois mesmo pesquisando na internet, as medidas não batem com a realidade.

As medidas da  Sansonite Earth, que estão no site por exemplo, são 55.00 x 35.00 x 24.00, sendo assim já estaria reprovada, mas na realidade, tem exatos 20 cms. É lógico que tem que ser na base do saquinho a vácuo e nem pensar em usar o bolso. Mas para viajar de trem por exemplo, pode-se usar o expansor e o bolso.

Não é barata (299,00), mas pense na economia de pular de país para país por menos de 10 libras ou euros. Vale muito a pena. E se passa na mais rigorosa e mão de vaca das cias low cost, entra em qualquer outra cabine de qualquer outra cia.

Essa abertura frontal  facilita muito o interminável  tira e põe no security (raio x ). Lembre-se que se você estiver levando algo eletrônico (câmera, notebook, celular, etc) e líquidos (aquele saquinho com ítens de higiene pessoal) tem que mostrar tudo fora da mala e depois colocar tudo dentro de novo para passar pelo portão de embarque.

PS: Novembro vai ser um mês daqueles bem bombados, se eu demorar a aparecer, é por pura falta de tempo!

Até!!!

Anúncios
29
mar
10

economizando espaço na mala

Já, já, volto a Paris… Mas preciso compartilhar essa dica, já que me pediram o post sobre as low cost. Bom, que uma mala mínima é a melhor opção, acho que não há mais dúvidas! Também devo confessar que mesmo viajando com a pequerrucha, eu não sou de ferro e como o frio desse inverno em terras européias, não foi bolinho, comprei alguns casacos,  cacheóis e pashiminas.  Lógico que não dava para trazer, primeiro porque não há como usar nada disso nesse calor senegalês e depois por falta de espaço mesmo! Então resolvi deixar lá, no pequeno quarto do meu filho. Solução?

VacuumBag! Não é novidade, eu sei. Em Londres, encontrei esses sacos à vácuo, nas lojas 99p. Acredite, 3 sacos por menos de uma libra.  Dá para armazenar 4, 5 ou mais casacos e fica da espessura de menos de um e guardar em qualquer lugar.

E depois:

Pensamos seriamente em usar esse recurso para levar os casacos dentro das malinhas, quando partimos para uma viagem mais longa à Innsbruck, Salzburg e Praga (diga-se de passagem, -12 em Praga). Mas fiquei me imaginando correndo atrás das cmareiras para pedir emprestado o aspirador de pó (e o pior! em checo!, ahahah). Então, o jeito era sentar em cima para tirar o ar dos casacões que usamos nas montanhas.

Fuçando na internet, achei os tais sacos, aqui no Brasil, mas para viagem!!! Sem precisar do aspirador e no tamanho certo para malinhas ou mochilas.

O Space Bag® é muito fácil de usar!
Passo1 1. Coloque as roupas ou objetos que você deseja armazenar no interior do Space Bag®.
Space Bag – Vacuum Seal Storage Bags 2. Feche e vede o Space Bag deslocando o zíper Sure-Zip™ para uma das extremidades do saco e repita o movimento no sentido contrário.
Space Bag – Vacuum Seal Storage Bags 3. Enrole o saco comprimindo-o com as mãos até retirar todo o ar de seu interior.
Space Bag – Vacuum Seal Storage Bags 4. Desenrole o saco já comprimido e está pronto para você guardar em sua mala ou mochila.

Comprei, é lógico!!! Já testei e dá certo. Lógico que rola uma forcinha, mas economiza mointo espaço! Infelizmente, não é tão barato como em Londres…R$ 49,00 por três saquinhos. Mesmo assim vale a pena. Qualquer espaço a mais numa mala de 50X40X20, vale a pena.

Além disso, mantém as roupas secas e protegidas. O “saco” também toma a forma da mala, preenchendo os espaços.

Nesse site também vende o organizador de bolsa, que eu adooooro! É uma espécie de bolsa dentro da bolsa. O meu eu comprei na Bélgica, e só tinha visto isso nas comprinhas do vôo da Air France. Em viagens é uma mão na roda, pois fica tudo arrumadinho dentro da bolsa.

Esse aí é o meu.

Gostei também do porta maquiagem.

Não é bonito, mas é prático para viajar. Tudo separadinho,  protegido e fácil de visualizar e pegar o que se quer. Dá até para levar a escova e pasta de dente, ótimo para avião. Na malinha, pode ir enroladinho ou assim, aberto, dependendo do espaço. Comprei tudo  aqui.




Enter your email address to subscribe to this blog and receive notifications of new posts by email.

Junte-se a 9 outros seguidores

julho 2019
S T Q Q S S D
« abr    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 9 outros seguidores

viagens
free counters
Anúncios

%d blogueiros gostam disto: