Posts Tagged ‘Porto de Barcelona

31
jul
10

Barcelona 4 – Montjuïc, Port Vell e Barceloneta

De manhã, Las Ramblas estava animada.

Font de Canaletes (reza a lenda que quem bebe dessa fonte volta à cidade)

Desfile da polícia montada, gente à beça, e um dia lindo. E como tudo começa na Plaça da Catalunya…

Compramos nossos tíckets e embarcamos no Bus Turistic. Decidimos ir direto à Montjuic.

A região de Montjuic é de tirar o fôlego! E num dia desses, de céu doendo de tão azul, é deslumbrante.

É um passeio para o dia inteiro, pois há inúmeros espaços culturais, o parque, o castelo…  A colina de Montjuic, se eleva a 213 metros de altura e a cada centímetro que a gente percorre o coração vai batendo mais forte. Situada a sudoeste da cidade, perto do centro, de onde tem- se a visão maravilhosa do porto e da parte antiga da cidade.

Chegando pela Plaça d´Espanya, a gente já perde a respiração.

Palau Nacional

Plaça d´Espanya

Palau Nacional e nós

E graças a Rafael, conheci o Pavilhão de Barcelona, que fica bem alí perto.

O pavilhão alemão para a Feira Mundial de 1929 em Barcelona (também conhecido como Pavilhão Barcelona) foi um edifício projectado pelo arquitecto modernista Ludwig Mies van der Rohe. É considerado um marco importante na história da arquitetura, sendo conhecido pela sua geometria depurada e pelo uso inovador e extravagante de materiais tradicionais, tais como o mármore, ou de novos materiais industrializados, como o aço e o vidro.

Daí, pega-se de novo o Bus e sobe-se até o teleférico, que nos leva ao castelo.

Aí é uma loucura! Melhor! São várias loucuras. Para começar, a vista!

Lá longe, La Sagrada Família.

Depois o Castell de Montjuic.

A fotaleza, inicialmente construída em 1640, tornou-se castelo em 1694.

E aí vem outra vista. O Mar Mediterrâneo.

E claro que depois dessa overdose, abrimos os trabalhos! Um vinho rosé e croissants, para comemorar esse momento!

Outras atrações de Montjuic:

A Torre de Montjuic que é uma torre de telecominicações ,obra do arquiteto valenciano Santiago Calatrava construída entre 1989 e 1992 na vila olímpica de Montjuïc, Barcelona em função dos Jogos Olímpicos se 92.

O Museu e o Estádio Olímpico, também construídos para os Jogos.

Fonte: estádios do mundo.wordpress

A Fundação Juan Miró, criada por ele próprio, para acolher seu trabalho e  para a experimentação de arte contemporânea.

E lógico, um passeio pelo parque em si.

E depois tem a volta ao nível do mar com uma vista louca do Porto e do Mar… Mediterrâneo.

Como se não bastasse…

Depois do Porto, adentramos Barceloneta, e o clima de praia e o cheiro do mar, tomam conta da paisagem.

E chrga-se ao Porto Olímpico onde estão os edifícios especialmente construídos para os Jogos e são os mais altos da cidade.

Não é tudo de bom???

Anúncios



Enter your email address to subscribe to this blog and receive notifications of new posts by email.

Junte-se a 9 outros seguidores

setembro 2019
S T Q Q S S D
« abr    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 9 outros seguidores

viagens
free counters

Atualizações Twitter

Anúncios

%d blogueiros gostam disto: